Espelhos decorativos, funcionais e ainda refletem a imagem da marca

espelhoadesivado
Espelhos são objetos decorativos (e funcionais) que fazem toda a diferença em um ambiente, seja residencial ou comercial.
+
Inspirados pelos reflexos das águas, os espelhos podem ter sido criação dos antigos egípcios, já que as peças mais antigas foram descobertas próximos ao Rio Nilo. Vale dizer que no início eram fabricados com cobre, mas aos poucos houve o desenvolvimento de novas técnicas, até que se chegasse ao uso da prata, material atualmente mais empregado.
+
+
Hoje encontramos basicamente dois tipos de espelhos: planos e esféricos, sendo que esses últimos se dividem em côncavos e convexos.
+
a. Os espelhos planos fornecem imagens do mesmo tamanho e simetria do objeto refletido e, por isso, são os mais comuns para uso comercial.
+
b. Os espelhos côncavos (iguais aqueles usados por dentistas e para maquiagem) produzem uma imagem com maior nitidez e tamanho destacando detalhes do objeto.
+
c. Os espelhos convexos (iguais aos de retrovisores de carros e usados na segurança de lojas) faz aumentar a área refletida por diminuir os objetos
+
Dessa forma, é fácil entender como os espelhos tornaram-se elementos fundamentais no design de interiores, já que ajudam na ampliação e redução de espaços e são capazes, ainda, de disfarçar imperfeições de um ambiente.
+
Mas, como utilizá-los para deixar o visual da sua loja mais atrativo e assertivo? Confira algumas orientações.
+
– Tenha em mente que o espelho deve estar bem posicionado, para que não reflita objetos, móveis, paredes e demais ´coisas´ que você não queira destacar. Espelhos mal posicionados podem tirar a privacidade dos clientes, seja revelando pessoas experimentando roupas nos provadores ou até aquilo que estão fazendo em outra parte/sala da loja.
+
– Existem modelos de espelhos côncavos que conseguem emagrecer a imagem da pessoa, ao aumentar a silhueta refletida no espelho. Obviamente essa estratégia não é ética, mas tem sido usada por alguns lojistas. Uma empresa americana até lançou uma linha de espelhos emagrecedores chamados “Skinny Mirror”, mas, lembre-se, o consumidor não terá esse espelho na sua casa quando for experimentar novamente o produto e lá terá uma péssima experiência pós-consumo com seus produtos.
+
+
– O consumidor contemporâneo, chamado por alguns estudiosos de consumidor hedônico, vive um intenso processo de voyeurismo e exibicionismo, isto é, ele quer ver e ser visto a todos instantes. Vidros e espelhos são ótimos aliados para garantir essa experiência.
+
– Homens não têm o hábito (e o prazer) de experimentar roupas em lojas. A compra para eles é um processo (cada vez menos, sabemos) rápido e descomplicado. Por isso, garanta que nos setores masculino haja espelhos suficientes para ele se ver e provar os produtos ali mesmo, nem que seja só por cima do seu corpo.
+
– Se a loja for pequena, use espelhos grandes nas paredes e/ou no teto, assim você pode criar a sensação de um ambiente maior. Isso estimula a percepção espacial, deixando o cliente mais confortável e, consequentemente, mais tempo em seu estabelecimento.
+
– Aplique um espelho grande na parte externa dos provadores. As pessoas gostam de se ver usando uma roupa em movimento, a distância e em vários ângulos. Em qualquer uma das situações citadas atente-se a iluminação, uma boa dica é utilizar um feixe de luz na parte de trás do espelho, assim não ofuscando a vista do cliente.
+
– Os espelhos pequenos podem ser utilizados como itens de decoração, pois se adaptam facilmente a qualquer ambiente. Utilize-os em diferentes formatos, tamanhos e aplicações, levando movimento ao espaço.
+

+

– Use molduras para ambientar os espelhos, por exemplo, com acabamentos em prata ou bronze. Se quiser um ambiente moderno aposte em diferentes modelos de molduras ou cores diversas.
+
– Caso a loja possua algum canto “inutilizado’’, coloque um espelho ali, isso trará uma função ao espaço. 
+
– É possível substituir papeis de parede e pinturas por espelhos. Você enriquece o espaço e ainda complementa com informações visuais (imagens ou textos) que podem ser adesivados no espelho.
+
+
– Não use espelhos em paredes paralelas, pois o cliente pode ficar confuso e se esbarrar, já que um refletirá o outro.
+
– Não utilize espelhos em ambientes com incidência direta de luz solar, evitando assim reflexos ofuscantes.
+
Aproveite as dicas e otimize seu espaço! Use e abuse dos espelhos.
(Visited 711 times, 1 visits today)
SHARE THIS

RELATED ARTICLES

LEAVE COMMENT

Curso livre a distância

CURSO LIVRE (a distância) EM VISUAL MERCHANDISING DE MODA

O curso online de Visual Merchandising de Moda do MMdaMODA abrange conceitos teóricos e práticas de mercado e está pautado em fotos, vídeos, cases de sucesso e materiais complementares, como artigos e reportagens.

Saiba mais