O papel da arquitetura comercial na reinvenção do ponto de venda.

arquitetura comercial projeto de loja 1

As relações humanas têm se transformado muito rapidamente, desde o advento da internet surgiram diversas facilidades que estão se tornando cada vez mais indispensáveis para o homem. Através do computador, no conforto de casa, com otimização de tempo e dinheiro, é possível trabalhar, contratar serviços, comprar produtos de outro Continente, assistir à filmes, vender, namorar e até casar.

Assim, o tradicional ponto de venda (PDV) físico, mercado off-line, foi diretamente impactado com as mudanças de comportamento do consumidor. Para se tornar competitivo com a internet, o PDV tem se reinventado constantemente, haja vista que o produto que o cliente compra do seu sofá é o mesmo que ele compraria diretamente na loja física. A diferença fundamental está na experiência de compra, isto é, sensações, emoções e histórias que ele só consegue vivenciar apenas na loja física.

Para desenvolvimento de um PDV estimulante, que atraia esse consumidor, é necessário o trabalho compartilhado de Visual Merchandising, Marketing e Arquitetura. Identidade da marca, arquitetura do espaço, design de mobiliário e produção de visual merchandising, são poderosas ferramentas capazes de transformar um espaço e comunicar ao consumidor o propósito da marca.

A arquitetura comercial é uma especialidade que trabalha projetos para os setores comerciais e corporativos, sob a ótica do consumidor. Antes de fazer qualquer proposta é necessário entender as demandas do ser humano, especialmente enquanto no papel de consumidor. Todo projeto é desenvolvido com foco em satisfazer as suas necessidades e expectativas.

O processo se inicia com uma imersão na marca e no seu propósito, entender o negócio, seu público, seu mix de produtos, posicionamento no mercado e perfil dos concorrentes. Essa base de informações é inserida no contexto social, econômico e cultural, juntamente com as tendências de consumo e as necessidades operacionais da empresa. Após avaliação do cenário é elaborado o conceito do projeto com definição de suas diretrizes e das experiências que ele deverá estimular no consumidor para conquistar sua mente e coração.

O projeto é concebido com base na fachada e layout. A fachada deve ter uma relação com o entorno e, juntamente com a vitrine, ela anuncia o que irá acontecer no interior da loja. O que a fachada promete deve ser entregue dentro da loja. O layout é pensado estrategicamente para que o consumidor tenha uma apropriação intuitiva do espaço, com acessos atrativos, circulação direcional para os pontos de interesse e espaços confortáveis para o uso.

A setorização e hierarquia dos produtos devem ser claras com áreas especificas para cada produto, ponto focal, área promocional ou de menor interesse.

Provadores e espelhos são elementos importantes para a experiência do consumidor, pois eles determinam a verdade sobre o produto, não podem ser posicionados em áreas de circulação e pedem certa privacidade para o uso.

Mobiliário e expositores são desenvolvidos dentro das diretrizes de exposição dos produtos, determinados pelo visual merchandising. Piso, acabamentos de paredes e do mobiliário, elementos decorativos devem reforçar a identidade da marca.

A iluminação é responsável pelo destaque de setores e produtos no PDV, é um elemento muito importante para o equilíbrio da ambientação. Cores, texturas, volumes, formas, aromas, sons e história são recursos utilizados para estimular a memória e consequentemente os sentidos.

Os resultados devem ser analisados periodicamente, a observação no PDV e feedback dos profissionais de vendas são fundamentais para validação das estratégicas de projeto aplicadas.

O maior desafio do profissional é demostrar ao cliente que essa base de informações é a linha que deve guiar todo o projeto na direção da satisfação do consumidor. Isso é arquitetura comercial.

(Visited 524 times, 1 visits today)
SHARE THIS

RELATED ARTICLES

LEAVE COMMENT

Curso livre a distância

CURSO LIVRE (a distância) EM VISUAL MERCHANDISING DE MODA

O curso online de Visual Merchandising de Moda do MMdaMODA abrange conceitos teóricos e práticas de mercado e está pautado em fotos, vídeos, cases de sucesso e materiais complementares, como artigos e reportagens.

Saiba mais