Estudo aponta que manequins representam magreza irreal e são cruéis com as mulheres

Estudo-padroes-manequin-loja-2

Do UOL 08/05/2017 09h03 

Sabe as belas vitrines das lojas de roupa? Elas podem deixar você mais descontente com sua forma física. Segundo um estudo recente, os manequins das lojas de roupa são muito magros e promovem ideais irreais de corpo.

A pesquisa conduzida por estudiosos das universidades de Oxford e Liverpool, na Inglaterra, analisou 32 manequins femininos e 26 masculinos de 17 lojas de Liverpool e Coventry.

Estudo-padroes-manequin-loja

Segundo os estudiosos, nenhum dos lojistas deu autorização para que os manequins fossem medidos, portanto, a análise se deu no cruzamento de análise visual dos manequins com roupas que não forjassem as formas físicas por dois assistentes (um homem e uma mulher) – como qualquer consumidor – e padrões científicos de forma física, como na tabela ao lado. Todas as figuras femininas estavam entre a figura 1 e a figura 2. Ou seja, abaixo do peso.

De acordo com as análises, 100% dos bonecos femininos representavam uma mulher muito abaixo do peso recomendado para sua altura. Já entre os que representavam homens, apenas 8% pareciam um homem abaixo do peso para a figura.

Para os estudiosos, as lojas explicam a escolha dos bonecos, como a indústria da moda explica suas magérrimas modelos: o caimento das roupas seria melhor. Porém, ao enfatizar as formas irreais de corpos muito mais magros que o saudável em suas vitrines, estes comércios colaboram para uma distorção da imagem física de suas clientes, o que já é tratado como uma grande influência para problemas psicológicos entre as mulheres.

(Visited 290 times, 1 visits today)
SHARE THIS

RELATED ARTICLES

LEAVE COMMENT

Curso livre a distância

CURSO LIVRE (a distância) EM VISUAL MERCHANDISING DE MODA

O curso online de Visual Merchandising de Moda do MMdaMODA abrange conceitos teóricos e práticas de mercado e está pautado em fotos, vídeos, cases de sucesso e materiais complementares, como artigos e reportagens.

Saiba mais