7 dicas para encantar – e vender mais – no Dia das Crianças

vitrinediadascrianC3A7as
Na década de 1920 o Deputado Federal Galdino do Valle Filho conseguiu aprovar um dia especialmente dedicado às crianças. Mas a data só “vingou”’ na década de 1960, quando em parceria com a empresa Johnson&Johnson, a fábrica de brinquedos Estrela lançou a “Semana do Bebê Robusto”.
 +
 +9
Devido o sucesso da campanha outras empresas aderiram a ideia e acabaram por criar a “Semana da Criança”. Com o passar dos anos, esta homenagem voltou a sua ideia inicial, mas agora com apenas um dia de comemoração, que é mantido até hoje, ou seja, o tradicional 12 de outubro.
 +
Para o mercado a data acabou se tornou uma “potencializadora” de vendas. Segundo dados da Confederação Nacional de Dirigentes de Lojistas (CNDL) é a quinta data mais importante para o comércio, perdendo para o Natal, Dia das Mães, Dia dos Namorados e Dia dos Pais. Mas, como é a última data comemorativa que antecede ao Natal, é uma grande oportunidade que os lojistas têm de aumentar o volume de vendas no trimestre.
 +
Portanto, esta data traz fluxo para as lojas, criando oportunidades até mesmo para os varejistas que não possuem como público prioritário o segmento infantil, como é o caso das lojas de departamento, calçados e supermercados.
 +
 +
Segundo Francisco Ferraz, sócio diretor da 5R Shopping Centers, empresa especializada na gestão de centros comerciais, hoje há um mix de produtos de aproximadamente 50 mil itens nos shoppings a fim de atender a demanda para o público infantil.
 +
Pensando nisso, elenquei 7 dicas importantes para atrair a atenção e conquistar o cliente no ponto de venda (PDV), através de uma experiência única.
 +9
1. Garanta estoque e sortimento: É fundamental garantir quantidade e diferenciação de produtos, assim o cliente terá opções para decidir com segurança sua compra. Estes itens devem estar organizados por categorias, a fim de facilitar a procura do cliente.
 +
 +
2. Treine a equipe: Treine sua equipe para receber convenientemente os clientes. Para isso eles precisam dominar os atributos técnicos e intangíveis dos produtos, além das técnicas de vendas para conseguir “ler” o consumidor. Lembre-se: seu primeiro cliente é sua equipe de vendas.
 +
3. Comunique-se: Faça displays e peças interativas de comunicação no PDV para mostrar o diferencial da sua loja e da sua marca. Duas das funções do visual merchandising são despertar a lembrança e informar o consumidor. Então lembre-o com antecedência que o Dia das Crianças está chegando e sugira presentes através de rankings dos mais vendidos, por exemplo.
 +
4. Crie uma vitrine colorida: desenvolva uma vitrine com elementos alegres e cores sortidas de forma que reflitam o universo infantil e, assim, atraiam o olhar do consumidor pela ludicidade. Dicas: exponha poucos, mas bons itens focando naqueles mais procurados; apresente-os fora das embalagens; os pequenos itens devem estar em suportes e nunca no chão da vitrine; crie um cenário, pois crianças e pais compram sonhos e não produtos.
 +9

+
5. Faça-se ser visto: Distribua brindes que atraiam a atenção das crianças. Dê bexigas coloridas, pipoca ou algodão doce com nome da sua marca. Dessa forma outras crianças verão os mimos, gerando curiosidade e tráfego para sua loja;
+
6. Seja útil: Faça com que o cliente permaneça mais tempo na loja prestando um serviço gratuito, por exemplo, crie um espaço kids (provisório) com monitores que façam pinturas, jogos e brincadeiras;
+
7. Proporcione um ambiente convidativo: Crie um ambiente lúdico e funcional, afinal crianças – e adultos – são curiosos e gostam de mexer e descobrir as coisas. Um bom exemplo seria a elaboração de um caminho com adesivos no chão, simulando um jogo ou uma trilha. Este caminho pode iniciar-se na entrada da loja e terminar no espaço kids ou numa ilha com os brinquedos mais desejados do momento.
+

Livraria Kid Republic

+
Com essas estratégias você garante algum diferencial frente a sua concorrência. Não tenha medo de inovar. Os clientes estão loucos atrás de novidades e uma experiência única no varejo. Seja diferente e faça a diferença.

(Visited 1.017 times, 1 visits today)
SHARE THIS

RELATED ARTICLES

LEAVE COMMENT

Curso livre a distância

CURSO LIVRE (a distância) EM VISUAL MERCHANDISING DE MODA

O curso online de Visual Merchandising de Moda do MMdaMODA abrange conceitos teóricos e práticas de mercado e está pautado em fotos, vídeos, cases de sucesso e materiais complementares, como artigos e reportagens.

Saiba mais